Tudo o que você precisa saber sobre blush: Como aplicar e que tom usar


O blush é item essencial para quem deseja uma maquiagem bonita, e para que além de bonita ela fique bem feita, é necessário atentar para alguns detalhes que fazem toda diferença no resultado final da sua make! Então, selecionei as principais dicas de como não errar na hora do blush, confira:

As funções do blush:




Hoje em dia existem diversas tonalidades de blush no mercado, desde os mais rosados até os marrons escuros, e sua função depende da tonalidade do blush e do tom de pele! Os blushs rosados têm a função de dar um ar saudável ao rosto, deixar o look mais sofisticado. Já os blushes em tons de marrom são mais utilizados para corrigir imperfeições como testa muito grande; nariz muito largo; rosto muito largo, ele funciona como um bronzer que escurece o local, dando a impressão que o mesmo é menor.


Escolhendo a tonalidade certa para o seu tom de pele:

Existem essas regrinhas que funcionam muito bem:

 Mas isso vai depender da sua personalidade. Eu não acho legal negra com um blush rosa muito claro, ou branca com um blush muito marrom porém, se você gosta e se sente bem usando, se joga amiiga! O que não pode é sair de casa insegura com o que você escolheu para usar.

A Aplicação:

Para que não tem muita prática, aplicar o blush corretamente é uma das tarefas mais difíceis na hora de se maquiar. Vale a pena investir em um pincel específico para a aplicação do blush, que deve ser grande e fofo para não deixar marcado e artificial, isso ajudará muito na aplicação e no resultado final. Também existem algumas regrinhas para cada tipo de rosto:

Rosto quadrado: 

O pincel de blush deve deslizar da altura da orelha em direção à boca, suavizando assim o efeito quadrado.

Rosto redondo:


Para o rosto redondo é indicado usar abaixo da bochecha um blush em tons de marrom dois tons mais escuros que a pele, para disfarçar o formato.Utilize o blush colorido nas bochechas, puxando em direção às orelhas.


Rosto magro e fino:


O blush deve ser aplicado na parte mais alta das maçãs, de forma mais horizontal, indo das laterais para a frente do rosto. Deve ser evitado o blush escuro nas laterais do rosto, para não deixá-lo ainda mais fino.


Textura: 

No mercado de beleza, podemos encontrar muito além do blush em pó. Hoje a tecnologia permite que encontremos versões variadas, que vão desde o líquido até o próprio pó, passando também pelas versões com consistências compactas e cremosas. As peles normais ou mistas aceitam todas as texturas. As secas ficam mais confortáveis com um blush em mousse, líquido ou creme. E as oleosas combinam com o tipo compacto. Saiba mais como funciona cada uma dessas texturas:


Mousse: Proporciona uma aparência natural, pois é mais fácil de espalhar e tem uma melhor aderência, porém não é recomendado para dias muito quentes.

Líquido: Possuí o mesmo efeito do mousse e também não é ideal para os dias de altas temperaturas, pois pode derreter.

Pó: Resistente a transpiração, tem boa fixação e produz a um aspecto natural. Mais ideal para o clima tropical, como o nosso nordeste.

Bastão: Possuí características bem similares a das versões em mousse. Proporciona uma aparência natural, facilidade para espalhar e boa fixação.

Creme: Também possuí resultado semelhante às versões líquida e mousse, mas oferece maior domínio da quantidade, possibilitando graduar a quantidade e intensidade da cor na própria pele.

Mosaicos:  disponível nas versões em pó e compacto, permite a combinação de diferentes tonalidades, mais claras, mais escuras, com uma cor específica ou com um tom “inventado” pela mistura de duas ou mais cores.

Brilhante ou cintilante: Ideal para o uso noturno e em locais com pouca iluminação, pois produzem efeito bem mais marcante e chamativo.


O blush não precisa combinar com a cor da sombra, e sim com o batom. A cor da boca deve ter um equilíbrio com a cor do blush. Por exemplo: um batom mais vivo pede um blush neutro, na tonalidade da pele. Já um batom nude, pode ser completado com um blush mais vibrante e marcado.
E vale sempre lembrar: Nuncaa exagere na quantidade de blush, pois o resultado pode ser o desastroso "sandalhada na cara". Jamais façam isso!
 Espero que vocês tenham gostado! Qualquer dúvida é só me deixar um comentário. Beijos.
                                                                                                                    
                                                                                                                                                Josi Lima



Postar um comentário

Postagens mais visitadas